terça-feira, 15 de abril de 2014

I won't give up - Epílogo

Narrador on:
Eram quase 02:00h da manhã, e o garoto de jaqueta preta e cabeça raspada ainda se esgueirava pelas ruas vazias da cidade, as construções antigas agora, nas sombras da madrugada chegavam a dar medo, barulhos vindos das sombras eram de arrepiar qualquer um,  mas o garoto não se intimidou, continou à andar confiantemente até que avistou o carro prata encostado, um sorriso aqueceu sua face e ele apressou o passo até o tal carro, assim que entrou a mulher sentada no banco do motorista jogou seus braços ao redor dele e o abraçou como se sua vida dependesse disso, sua voz estava embargada e tomada por preocupação, ele sorriu, era bom saber que depois de tudo alguém ainda se importava com ele... ela o soltou delicadamente, seus olhos castanhos estavam cheios d'gua, as rugas de preocupação e as olheiras estavam mais fortes que a última vez que ele à vira... ela sorriu carinhosamente pra ele e ele retribuiu...-
Xxx: Não sabe como eu estive preocupada com você meu bem... - sua voz era baixa e suave, acolhedora...-
Xxxx: Não quero que se preocupe ok? Eu estou bem! Estou ótimo na verdade, tudo o que eu quero é recomeçar, bem longe de tudo aquilo... -  o rosto dela entristeceu, ela passou delicadamente a mão sobre o rosto do garoto...-
Xxxx: Eu sinto muito meu amor, seu pai... - ela se interrompeu repensando- nossa familia... é cabeça dura, e nenhum deles ali sabem, o enorme erro que cometeram, mas você vai mostrar pra eles, que desde o começo tudo não passou de um engano, que você não teve nada à ver com aquilo e que...- seu choro interrompeu suas palavras e o garoto voltou à abraça-la...- tudo que importa é que você vai voltar...- ele sorriu e ela o soltou...- Sinto muito por demorar tanto pra vir, sinto mesmo, mas como você quer ninguém sabe que eu vim te ver, e nem vão saber quando eu chegar amanhã cedo em casa... o que me lembra... - ela abriu a carteira sacando algum dinheiro, o garoto balançou a cabeça...-
Xxxx: Não mãe... obrigada mas quero mesmo me virar sozinho... - a mãe do garoto ainda tentou insistir um pouco mas depois de vàrias tentativas falhas desistiu...  depois de uma breve conversa com ele e de uma despedida igualmente emcionante ela se despediu dele, ele pulou fora do carro prata que seguiu seu rumo, e ele seguiu o seu indo até seu apartamento que não era longe, assim que abriu a porta ele se deparou com uma garota loira sentada numa poltrona assim que o viu ela sorriu...-
Xxxx: Finalmente... é bom te ver Payne... - o garoto sorriu e se jogou cançado sobre uma das poltronas...-
Liam: Também é bom te ver Kat... - ela sorriu, as feições da garota, cabelo loiro, olhos verdes e boca rosada lembravam davam- na um ar arrogante e sarcàstico, de fato Kat costumava ser isso tudo e mais um pouco...-
Kat: Explicando pra mamãe que esta bem? - ela arqueou uma sombrancelha-
Liam: Apenas à tranqualizando...
Kat: Sim claro... sei... Bom vou ser o mais breve possível. Ele està vindo pra cà... - foi a vez de Liam arquear sua sombrancelha duvidoso...-
Liam: Espere... o que?
Kat: Você me ouviu, tudo o que eu sei, foi que ele comprou uma passagem só de vinda pra cà, ele tà armando eu sei que està.. deve ter descobrido onde você estava e quis...
Liam: Mas isso não faz sentido serà que tudo aquilo não foi o bastante precisa de mais? Ele não pode simplesmente se contentar?! - Kat balançou a cabeça...-
Kat: Eu não sei o que ele quer e nem me importo também... só sei o que eu quero, e é vingança... se ele està voltando agora vai ser diferente, você sabe o jogo dele, e vai jogar também... entendeu Liam? - Liam assentiu rapidamente, naquele momento vingança não era só o desejo de Kat... - Balançe uma isca e você verà o quão ràpido ele vai morder, apenas seja cuidadoso ok? - Liam assentiu ainda pensativo, Kat se dirigiu à porta...- Adeus Liam, se precisar de algo me ligue... hà e Liam, não faça isso só por você ou por mim... faça isso por ela...- Kat disse por fim saindo e fechando a porta deixando Liam ainda mais perturbado do que a noticía que Kat acabara de jogar sobre ele, mas ela tinha razão afinal... ele tinha que se vingar... por ela...
-------------------------------------------------------

Bom meninas, aí està o primeiro cap. da mini fic pra vocês terem uma idéia do que està por vir ( altas treta logo no começo haha) bom comentem e me digam o que acharam, volto logo que puder... Beijokas amo vocês :D